Descobrir a Cultura | 7 Sugestões Para Toda a Família

Atividades-culturais-crianças

Na correria do dia a dia, entre escola, trabalho, atividades extracurriculares, trabalhos de casa, banhos, jantares e lanches do dia seguinte, pouco é o tempo que resta às famílias para estar, brincar e conversar. Entre as contas da casa, água, luz, gás, TV, internet, escola e atividades e as compras correntes, pouco é o dinheiro que fica (quando fica) para gastar em coisas que nos tragam prazer. Falta de tempo e de dinheiro: estão reunidas as condições para que nem sempre seja fácil proporcionarmos aos nossos filhos momentos diferentes que desenvolvam o seu sentido artístico.

Ainda assim, e porque consideramos que, por vezes, basta (mais) um esforço da nossa parte, cá em casa, sempre que possível, procuramos envolver os mais pequenos em atividades culturais que, na nossa opinião, os podem ajudar a ficar mais despertos para o que os rodeia.

A escola tem, naturalmente, um papel fundamental, mas e nós, enquanto pais, que podemos fazer?

As atividades que os mais pequenos fazem na escola, por mais estimulantes que sejam, são, quase sempre, feitas longe da participação dos pais – mesmo que, no final do dia, eles até consigam contar e partilhar connosco essa experiência. Acreditamos que o nosso envolvimento efetivo em atividades do interesse da criança nos aproxima enquanto família e melhora a comunicação entre todos.

Sugestões-culturais-com-filhos-pequenos

E nem sempre temos de gastar dinheiro para proporcionarmos aos nossos filhos algum estímulo cultural e artístico. Se procurarmos bem, vamos encontrando programas gratuitos, e de qualidade, que podemos (e devemos) aproveitar. Mas há outras coisas (simples) que podemos fazer, estejamos nós predispostos a tal, já que eles, por norma, estão sempre:

  • Sentarmos o nosso filho ao colo e ouvirmos uma música em conjunto, em silêncio; tentarmos descobrir os diferentes instrumentos que compõem a melodia ou tentarmos ajudar a criança a entender a letra. Assim, além de estarmos a promover o tempo em família, estamos ainda a ajudar a desenvolver a concentração dos mais pequenos.
  • Pedir aos nossos filhos que escolham um livro e explorá-lo com eles – com os mais pequenos serão as imagens e as texturas, com os mais crescidos, podemos ir mais longe, contextualizando a história e interpretando o texto, com questões simples e próximas da sua realidade.
  • Reutilizar material de plástico ou cartão para construir algo novo – o Pinterest é um mundo nesta matéria, bastam uns minutos de pesquisa para encontrarmos sugestões para todos os gostos e idades.
  • Uma ida ao cinema ou ao teatro será, por si só, um programa do agrado da criança, mas se investirmos também algum tempo na preparação dessa atividade, vamos promover ainda mais o envolvimento de todos, antecipando o prazer de uma atividade em conjunto – podemos, por exemplo, pedir a opinião da criança sobre o filme ou peça a ver; e, à saída, devemos sempre querer saber o que entendeu do que viu e ouviu, quais os elementos de que gostou mais ou menos.
  • Visitar um museu – há alguns em que, em certos dias, a entrada é gratuita – e levar um caderno para a visita, onde as crianças podem ir registando o que vão vendo (com palavras ou com desenhos) e a que depois podemos, por exemplo, acrescentar fotografias.
  • Levar os nossos filhos à biblioteca e deixá-los escolher alguns livros para lermos/vermos em casa.
  • Organizar um baile em casa, em família. Cada um escolhe duas ou três músicas, fazem a playlist e só há uma regra: ninguém pode ficar parado. Não há pé de chumbo que resista.
Atividades-culturais-para-família

Acreditamos que, ao expormos os nossos filhos a estas atividades, de forma diversificada e sem eruditismo, desde cedo e em família, estamos a contribuir para que, mais tarde, eles o façam por vontade própria. Além de passarmos tempo em família, numa atividade em que todos participam, estimulamos a criatividade e a socialização e afastamo-los, enquanto podemos, dos tablets, telemóveis, consolas de jogos e televisão. 

Aí em casa, quais são os vossos programas preferidos? Gostaríamos muito de conhecer as vossas sugestões. Usem a caixa de comentários. É toda vossa!

Sílvia

Lá fora: As maravilhosas ilustrações de Pascal Campion que nos relembram os momentos mágicos do dia a dia. Este programa, no Teatro da Cerca de S. Bernardo, em Coimbra.
SHARE:

Sem comentários

Enviar um comentário

© At Mums. All rights reserved.